SÉRIE ESCOLAR D – 50 lâminas preparadas para microscópio MG750

  1. Epitélio ciliado, em s.t. da trompa de falópio do porco;
  2. Tendão de uma vaca, secção longitudinal, exibindo tecido conectivo fibroso branco, colorido na fibras e células;
  3. Músculo do coração ou cardíaco, humano, secção transversal e secção longitudinal, fibras ramificadas com núcleos centrais e discos intercalados;
  4. Nódulo linfático do porco, secção transversal, exibindo tecido linfático;
  5. Esôfago do gato, secção transversal, com epitélio estratificado, camadas musculares;
  6. Estômago do gato, secção transversal, através da região de fundo, exibindo glândulas gástricas;
  7. Intestino grosso (cólon), secção transversal, coloração das células mucosas;
  8. Pâncreas de porco, secção exibindo ilhas de Langerhans;
  9. Glândula tireóide do porco, secção exibindo epitélio glandular e colóide;
  10. Glândula supra-renal do gato, secção transversal através do córtex e medula;
  11. Esperma do touro (espermatozóide), esfregaço;
  12. Células nervosas motoras, esfregaço da medula espinhal da vaca, exibindo corpos celulares e suas excrescências;
  13. Cérebro, humano, secção transversal do córtex exibindo células piramidais e região fibrosa;
  14. Pele humana da palma da mão, secção longitudinal exibindo epiderme cornificada, zona germinativa, glândulas sudoríparas;
  15. Fasciola hepática (Distomum), unidade integral, colorido para a estrutura geral dos órgãos internos;
  16. Espécime de tênia, u.i. de proglótes, colorido para estudo geral;
  17. Culex pipiens, mosquito, cabeça e boca sugadora e perfuradora, artes da fêmea, u.i.;
  18. Culex pipiens, mosquito, partes da cabeça e boca reduzida do macho, u.i.;
  19. Cimex lectularius, percevejo, u.i. de espécime adulto;
  20. Mitocôndrias, fina secção através do fígado ou rins;
  21. Complexo de Golgi, secção através do gânglio raquidiano, técnica especial de pigmentação;
  22. Cloroplastos, na folha da Elodea ou Mnium, especialmente colorada;
  23. Grãos de aleurona na secção do endosperma da Ricinus;
  24. Armazenamento, secção do fígado, pigmentação vital com azul-tripan para demonstrar armazenagem nas células epiteliais;
  25. DNA nos núcleos celulares, demonstrado pela técnica Feulgen de pigmentação;
  26. DNA e RNA, fixados e colorados com verde metil e piroxina para mostrar o DNA e o RNA em cores diferentes;
  27. Cromossomos gigantes da glândula salivar do Chironomus. Genes individuais e protuberâncias podem ser observados;
  28. Cromossomos humanos, ampliados para contagem no estágio da metáfase;
  29. Estágios meióticos e mitóticos na s.t. de testículo de lagostim. Hastes nucleares presentes;
  30. Oogenese no Ascaris, diferentes estágios, pigmento de Hematoxilina ferrosa;
  31. Estágios da clivagem nos ovos de Ascaris, pigmento de hematoxilina ferrosa;
  32. Escherichia coli, bactéria do cólon, provavelmente patogênica, esfregaço pigmentado pelo método Gram;
  33. Eberthella typhi, causadora da febre tifóide, esfregaço pigmentado pelo método Gram;
  34. Pulmão humano tuberculoso, secção com tuberculose miliar;
  35. Pulmão humano com pó de carvão (antracose), secção (pulmão de fumante);
  36. Cirrose hepática humana causada por abuso do álcool, s.t. exibindo degeneração das células do fígado;
  37. Arteriosclerose, s.t. de artéria coronária doente;
  38. Carcinoma com metástase (câncer) no fígado humano, s.t.;
  39. Desenvolvimento do ouriço-do-mar (Psammechinus miliaris), slide composto mostrando os estágios de duas, quatro e oito células;
  40. Desenvolvimento do ouriço-do-mar (Psammechinus miliaris), slide composto mostrando os estágios de mórula, blástula e gástrula;
  41. Embriologia do sapo (Rana), seccionado no estágio de blástula exibindo o blastocele;
  42. Embriologia do sapo (Rana), secção sagital de larva jovem no estágio de formação da cauda, com os primórdios dos órgãos;
  43. Folha de pinheiro (Abies alba), duas secções de folhas, uma saudável e uma danificada por influências ambientais (chuva ácida);
  44. Folha de faia (Fagus silvatica), duas secções de folhas, uma saudável, e uma danificada por influências ambientais (chuva ácida);
  45. Bactérias de água residual, esfregaço com formas típicas;
  46. Nostoc, algas verde-azuladas, colônias filamentosas dentro de invólucros gelatinosos;
  47. Desmídeos (Desmidiaceae), slide salpicado mostrando várias espécies;
  48. Esfagno, musgo de turfa, u.i. de folha mostrando células que contêm clorofila e hialinas;
  49. Triticum, trigo, secção transversal de uma planta gramínea com medula central e disposição circular de feixes vasculares;
  50. Salvia, salva, secção transversal de um caule quadrado com colênquima angular;

50 lâminas preparadas para microscópio MG750

As lâminas preparadas para microscópio de alta qualidade da LIEDER são fabricadas em laboratórios próprios na Alemanha sob rigoroso controle de qualidade e científico, nos tamanhos 26 x 76 mm (1 x 3 polegadas), com os melhores vidros e bordas perfeitas. São utilizados somente materiais histológicos de alta qualidade, a aplicação de técnicas de coloração e colagem especiais garantem uma representação clara, multicolorida de todas as estruturas dos tecidos. Todas as lâminas preparadas da LIEDER são fornecidas com etiquetas em português.

Abreviaturas:
s.t. = secção transversal;
s.l. = secção longitudinal;
u.i. = unidade integral;

Contato

Saiba mais sobre "SÉRIE ESCOLAR D – 50 lâminas preparadas para microscópio MG750" pelo telefone (11) 4722-4184 ou

vendas@weblabor.com.br